Da vida na aldeia, parte quarenta e dois